domingo, fevereiro 8

Oh!...


Agora sorris. Valeu a pena! [Espero que sim!] É preciso acreditar, não é?! Quase te invejo. Já viste? Oh, não te rias. Fumas? Estes não sabem tão bem – mas servem.

Sabes que não vai ser fácil, não sabes?! Haverá [sempre] outras, assim, haverá sempre. Exigências do corpo. Tu sabes. Oh, não chores. Por que choras? Eu nunca te vou trair – eu nunca! Ele vai, por que não haveria ele de o fazer?! Tu ama-lo? Eu amo-te, oh Parva. Ainda choras?! Abraça-me, anda.

Gostas destes cigarros? Amanhã compro dos nossos, está bem?! Hum… Quem é? É ele?! Tu ama-lo! Eu sei. Conheço-te. Mas não te firas, C.. Outra vez, não. Ouviste?! Outra vez, não!

Esta música… Lembras-te, C.?... Lembras-te? Apetece-me viver! Que loucura. Apetece-me viver! Dá-me lume.

Oh…

… Por que choras?!

30 comentários:

T. p. T. disse...

Até para tirar a porra de um mísero café.

:-)

Peregrina disse...

Que sentimentos tão contraditórios! :)

Prisioneira de Sonhos disse...

:)

intenso!

como sempre!!!

***

T. p. T. disse...

Duarte.

Já!

:')

Intermitências de Ecos disse...

É p'ra já! Mesmo.

A P. G&G que se prepare :D

T. p. T. disse...

Pintainha!

:D

Intermitências de Ecos disse...

Pincel... Pinta a minha Tela de Branco!

:D

T. p. T. disse...

Amo-te de vida!

:')

Intermitências de Ecos disse...

Surpreendes-me!... Meu Pincel [:p]

Amo-te! Sim!... Muito! :)

T. p. T. disse...

Os teus leitores masculinos vão ficar decepcionados depois dessa declaração. :p

Eu pinto-te de branco, pinto, pinto!

Sem esquecer a música do casório! :D

Eco, em mim, Meu Eco, tu!

:’)

Intermitências de Ecos disse...

Se por aqui andasse as tuas leitoras, acredito que haveria muita decepção! Ó ó! :D

Walk Like A Zombie! Humpf... [:D]


São ecos por ti :)

T. p. T. disse...

Amo-te.

T. p. T. disse...

Mesmo muito.

T. p. T. disse...

De vida.

T. p. T. disse...

A sério.

T. p. T. disse...

Todos os dias.

T. p. T. disse...

Incondicionalmente.

T. p. T. disse...

Tal como o Amor deve ser.

T. p. T. disse...

Amo-te.

T. p. T. disse...

Preciso-te.

T. p. T. disse...

E não te rias nem abanes com a cabeça porque é mesmo verdade Minha Pintainha!

:')

Intermitências de Ecos disse...

Mas que T. p. T. mais... [nem sei!]

Quando fazes/ dizes essas coisas só me apetece esboçar em letras bem grandes que TE AMO... e gritar, bem alto!

Percebes?!

:)

T. p. T. disse...

Greve!

:D

Intermitências de Ecos disse...

Calou! Na' tens motivos p'ra greve, ó Mané Pincel! :D

Isso é tudo Amor, eu sei! Eu sei!...

T. p. T. disse...

A Rosinha de greve por Amor?!

Sem dúvida Mãezinha, sem dúvida!

:D

Amo-te desta forma incondicional, eu sei, eu sei.

:D

Musa Galinacea [:D] disse...

Haha!

Ros'inha' de Sua Mãe! My proud! :D

Amas e tal... Mas eu Amo Mais! Capiche?!


:D

Prisioneira de Sonhos disse...

UIIIIIIIIIIII andam aqui novidades!!!


ei tenho desafio pra ti mosqueteira.

***

T. p. T. disse...

Afundar-me em ti!

:')

Anónimo disse...

Ninguém vai saber de nada.
Juro nao me vou gabar
a minha boca é sagrada.

Estar mesmo atrás de ti
ver-te da minha carteira
sei de cor o teu cabelo
sei o shampoo a que cheira
já não como, já não durmo
e eu caia se te minto
havera gente informada
se é amor isto que eu sinto

Quero o meu primeiro beijo
não quero ficar impune
e dizer-te cara a cara
muito mais é o que nos une
que aquilo que nos separa

Promete lá outro encontro
foi tão fugaz que nem deu
para ver como era o fogo
que a tua boca prometeu
pensava que a tua língua
sabia a flor do jasmim
sabe a chiclete de mentol
e eu gosto dela assim.

Rui Veloso

* Fy

Intermitências de Ecos disse...

Afundar num 'nós'!

:)