quarta-feira, março 19

Ilusão

Necessidade constante do toque da alma… Sublime sentir do corpo… Palavras de esperança!
O simples… querer!
Num momento, uma mensagem inesperada… N’outro a ausência que perdura!
Versátil!
Desapareceste tanto como apareceste! [ Que se passou?! ]
Indiferença e mal presságio!
Apaixonada por uma imagem que não existe! Uma agradável sensação que não passou de uma ilusão!
Toca-me o silêncio… Pensamentos atordoados… Palavras perdidas… Gemidos soltos entre vontades e desejos… notas sobrevoando a alma numa melodia harmoniosa.
Caprichos ateados! Sensações por descobrir! Versos soltos… que apesar de sentidos não passaram disso mesmo… parágrafos… frases… palavras… letras… Misto de ilusão e desilusão!
O vão…
Vazio… (des) esperança!
Vou deambular! Eu própria já não quero assumir direcção ao meu rumo, não agora! [ Coajo-me a acreditar nisso ] Quero divagar! Adormecer este ardor! Quero ir parar a um beco sem saída… Mergulhar no intenso… ao som e compasso de todos os meus silêncios, Deixar-me levar pela brisa que me levará a rotas desconhecidas [ Ou não ]. Aceitar de boa vontade o que está ao meu alcance [ sensações palpáveis ] … Viver, experimentar, sentir… Aceitar desafios novos e vencer. Sinto-me provida de garra e firmeza, sei que é apenas uma fase… Mas por que não aproveitar esta lufada de ar fresco?! Se tropeçar, ao menos, entre a queda e a ascensão, sempre aproveitarei alguma coisa! E que se lixem os “moralismos”!

Afastar-me-ei sem mais uma palavra e ficará no ar o mistério de não saber quando, como e porque é que nos voltaremos a encontrar. Adeus?! Não coloco fim a nada, sobretudo se não lhe vi o princípio. Por isso fico-me pelo Até Já!

4 comentários:

Anónimo disse...

Como e obvio ainda nao li tudo mas valeu a pena de facto escreves muito bem[nao k eu duvidasse] mas estava curioso ... Continua a escrever k tens aki um fa... Como eu entendo algumas das tuas palavras... mas isso sao outras historias... para outro dia talvez... Menina Bjs Take care
Ass: DarkTemptation

Anónimo disse...

Holding a burning pound of gone emotions that are mine as well, I wait for the glorious day to come. Silent I stand... vanishing,showing no sign of repentance. The taste I have always longed for is greater than my own obscenity. And no human kindness will ever manage to reach the soul of this lost body that has already killed thousands of hearts.

Kisses Darktemptation

Secreta Mente disse...

DarkTemptation, agradeço a presença aqui marcada :)
Do pouco que sei, vejo que tens muitas questões a rondar. Mas todas as decisões encontram-se nas nossas mãos. Lutar, permanecer, ou procurar outro porto :)

Beijinho! :)

paradox@ disse...

Realmente lindo! =)
Pérola da escrita!
Ver pessoas a escrever assim, faz-me lembrar do tempo, infelizmente (por minha causa) perdido em que também eu encontrava (algures) inspiração para escrever coisas tão profundas (tão profundas,que muitas vezes só eu e alguns iluminados da alma entendiam)...
Parece-me que me fechei a ela, e não simplesmente deixei de a encontrar!

Obrigado! ^^